terça-feira, 14 de abril de 2009

Vozes da noite calorenta

A história de "Ela se parece tanto comigo" ainda continua....
Mas vou dar uma parada pra registrar o que me disse uma escura e calorenta noite à luz do monitor

Ah.. quero deixar registrado o feliz feriado com os sábios... e bem vindo loco sábio ao meu hall!!


Um formando

Insegurança nunca foi uma palavra tão assustadoramente amiga.
Sétimo período, só oito, só tem mais um.
Vou ser jornalista.
Vou ser desempregada primeiro.
Vou ser... talvez não seja.
Não sei de nada.
Não sei nome de teóricos.
Não o nome de livros.
Não lembro ao menos o que comi.
Sabe uma coisa que sei?
Que não quero terminar.
Enquanto estou aqui tenho a proteção do “ainda estou estudando”
Enquanto não acaba não preciso da responsabilidade de um emprego.
Dentro dessas paredes eu sou boa no que faço.
Sou elogiada sempre.
Posso estourar prazo de entregas
Posso ter mais uma chance
Posso até não me importar.
Mas fora daqui o que tem?
Quem eu sou?
O que você vai ser quando crescer?
GRANDE!
Como ser grande?
Como ser melhor do que já sou, se não sei bem o que sou?
E talvez nem bem o que quero ser
O que vai ser quando crescer?
Apenas ser...
Acho...




~oo~ -Cidade do Sol
d--b - Beirut

3 comentários:

Ricardo Aiolfi disse...

eu me sentia assim
resolvi não cortar matéria exatamente para adquirir um conhecimento que ainda me falta.


me identifiquei muito

IvanN disse...

mais uma frustrada no mundo hahaha

eh foda,né?
acho q todo mundo q tah no fim da faculdade passa por isso!

mas fazer o q????? *__*

pelo menos na hora de ser preso, tenho privilégios. hahaha

YullyAngel. disse...

""Sabe uma coisa que sei?
Que não quero terminar.""

Eu também sou assim!


=]
Bjoeesss

ps: to esperando ansiosa o fim do texto anterior!rs